Sabatina

Confira a entrevista de Raquel Lyra no Povo na TV

Candidatos à Prefeitura de Caruaru participam de sabatinas

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 03/11/2020 às 16:42
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

A prefeita de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, Raquel Lyra (PSDB), foi a primeira a participar da sabatina realizada pelo programa "Povo na TV", da TV Jornal Interior, nesta terça-feira (3). A candidata falou de temas como Feira da Sulanca, mobilidade urbana, política, entre outros.

Feira da Sulanca

Perguntada sobre a promessa da campanha de 2016 de transferir a feira de graça para o sulanqueiro, Raquel Lyra atribuiu à pandemia da covid-19 o atraso no projeto da nova feira. "Mantemos o nosso compromisso de transferir de graça para aquele que só tem um banco de feira. Quem for permanecer com um banco de feira na feira nova vai ter a transferência de graça bancada pelo poder público ou pela iniciativa privada", destacou.

Raquel informou que a gestão realizou um investimento de R$ 300 mil em estudos e pesquisas para identificar como a feira pode ser montada para o futuro. A prefeita reforçou que durante a gestão está promovendo requalificações no Parque 18 de Maio, como a construção de 8 mil metros de calçadas, quatro baterias de banheiros, a reforma do mercado de carne e do mercado de farinha, o polo gastronômico, entre outros.

Mobilidade

A prefeita Raquel Lyra afirmou que participa semanalmente de reuniões com representantes das empresas de transporte público para discutir a prestação dos serviços por parte das três empresas de ônibus. Ela reconheceu o desafio de chegar em algumas localidades da zona rural e afirmou que é necessário regulamentar o transporte complementar na cidade. Raquel afirmou ainda que a prefeitura está notificando as empresas para regularizar os horários e não alterar rotas.

Comércio na Praça

O Comércio na Praça foi alvo de críticas durante a gestão da prefeita, uma vez que os ambulantes foram relocados das principais ruas do centro para ambientes na área central. Os vendedores reclamam de pouco movimento e muitos desistiram de ocupar os espaços. "Tem uma série de questões que podem ser analisadas que permite avaliar como pode funcionar melhor", declarou a prefeita.

A prefeita informou que quando o projeto foi realizado, discutiu o assunto com os ambulantes, inclusive na escolha da Leocádio Porto e da Praça dos Guararapes. Segundo ela, não haveria a possibilidade de continuar como estava. "Ficava ruim para o comerciante e para o pedestre para andar na 15 de Novembro e nas ruas próximas".

Campanha eleitoral

Sobre a campanha eleitoral, a prefeita afirmou que não está participando dos debates durante a campanha devido à forma com que os adversários se comportam. "Não estão preocupados em debater Caruaru, na verdade têm vindo com muito truculência e críticas muito severas à nossa gestão". A prefeita informou que sua campanha vem seguindo os protocolos sanitários de prevenção contra a covid-19, e que vai acatar a decisão da Justiça Eleitoral de proibir os atos de rua.

Questionada sobre a possibilidade de disputar o Governo do Estado, Raquel afirmou estar focada em continuar na prefeitura de Caruaru. "Qualquer exercício de discutir daqui a dois anos é um exercício de futurologia e deixo para os analistas e cientistas políticos. Eu estou focada em disputar aqui, sou candidata à reeleição. A gente pode fazer um mandato ainda melhor nos próximos quatro anos".

Confira a íntegra da entrevista:

Mais Lidas