Polo

São João: artesanato, gastronomia e forró no Alto do Moura, em Caruaru

Ana Maria Santiago de Miranda
Ana Maria Santiago de Miranda
Publicado em 24/05/2017 às 15:38
NOTÍCIA
Leitura:

Casa Museu Mestre Vitalino era a antiga residência do artesão e abriga objetos pessoas e réplicas do trabalho dele
Foto: divulgação/Rafael Lima

Um dos principais pontos turísticos de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, é o Alto do Moura. O bairro será um dos polos do São João 2017, com apresentações musicais nas sextas, sábados e domingos, além dos dias 28 e 29 (véspera e dia de São Pedro).

A programação será das 10h às 18h na Avenida Mestre Vitalino e entre as atrações estão Waldonys, Heleno dos 8 Baixos, Genaro, Azulinho, Barthô, Renilda Cardoso, Edmilson do Pífano, Toinho do Baião, Renovação Nordestina, Virados do Forró, Gilvan Neves e Adiel Luna. Durante o período, os restaurantes do Alto do Moura funcionam em horário diferenciado, até o fim dos shows.

O Alto do Moura é conhecido por reunir artes figurativas em barro, cuja tradição começou com o Mestre Vitalino, em 1915. As pessoas que visitam o bairro podem conhecer os dois museus do local: a Casa Museu Mestre Vitalino e o Memorial Mestre Galdino, além dos 18 ateliês de outros artistas. Nos dias 11 e 18 de junho (domingos), os dois museus abrirão em horário especial, durante todo o dia.

Alto do Moura é um dos principais pontos turísticos da cidade
Foto: divulgação/Rafael Lima

A Casa Museu Mestre Vitalino era a antiga residência do artesão e abriga objetos pessoas e réplicas do trabalho dele, reproduzidas por Severino Vitalino, filho do mestre e administrador do espaço. As peças são inspiradas em costumes nordestinos, como as lavadeiras, a vaquejada, o violeiro e o retirante. O museu funciona na Avenida Mestre Vitalino, nº 281, de segunda a sábado, das 8h às 17h, e no domingo, das 9h às 13h.

O Memorial Mestre Galdino expõe peças originais e poesias escritas pelo artesão. O acervo do memorial conta com fotografias e textos sobre a vida do artista, que foi contemporâneo de Vitalino. O destaque nas obras de Galdino são as expressões das peças, consideradas surrealistas. O memorial funciona na Rua São Sebastião, s/n. O horário de visitação é de segunda a sábado, das 8h às 17h, e aos domingos, das 9h às 13h.

Confira a programação completa:

3 de junho (sábado)

10h - Trio Tabajara
12h - Banda Contemporânea de Pífanos
14h - Jucélio Vilella
15h15 - George Silva
16h30 - Genaro

4 de junho (domingo)

10h - Banda de Pífanos Cultural de Caruaru
12h - Élida
14h - Banda Pingo DÁgua
15h15 - Rodrigo Raposo
16h30 - Forró Topado

10 de Junho (sábado)

10h - Zé do Estado Mirim do Pife
12h - Banda de Pífanos Flor de Taquari
15h - Banda do Batista
16h - Humberto Bonny

11 de junho (domingo)

10h - Trio Preto do Leite
12h - Banda de Pífanos Princesa do Agreste
14h - Jô Caruaru e Banda
15h15 - Waldonys
16h30 - Gilvan Neves

17 de junho (sábado)

10h - Trio Santa Rosa
12h - Edimilson do Pífano
14h - Jô Querino
15h15 - Banda Fogo e Forró
16h30 - Banda Cheiro da Terra

18 de junho (domingo)

10h - Trio Erivaldo Silva
12h - Derso Luiz e Banda
14h - Banda Casca e Nó
15h15 - Heleno dos 8 Baixos
16h30 - Renan Cruz

23 de junho (sexta-feira)

10h - Virados do Forró
12h - Douglas Leon
14h - Banda Topazil
15h15 - André Lins
16h30 - Lucas Medeiros

24 de Junho (sábado)

10h - Juninho Fole de Ouro e Trio Fole de Ouro
12h - Lula Viegas
14h - Jailson Rosseti
15h15 - Adiel Luna
16h30 Azulinho

25 de junho (domingo)

10h - Banda de Pífanos de Caruaru
12h - Banda Alternativa
14h - Leo Domingos
15h15 - Cheiro de Sanfona
16h30 - Renovação Nordestina

28 de junho (quarta-feira)

10h - Banda Forró de +
12h - Tuta Filho
14h - Barthô
15h15 - Forrózão Pé de Molek
16h30 - Toinho do Baião

29 de junho (quinta-feira)

10h - Trio Forrozaga
12h - Leidinha Falcão
14h - Giselle Coutinho
15h15 - Ivan Show
16h30 - Renilda Cardoso

Mais Lidas