Diversão

Jogos eletrônicos animam jovens no fim de semana das Olimpíadas do Sistema

Novidade agradou os fãs dos games

Marília Pessoa
Marília Pessoa
Publicado em 02/09/2019 às 12:56
NOTÍCIA
Reprodução/TV Jornal Interior
FOTO: Reprodução/TV Jornal Interior
Leitura:

O Armazém da Criatividade, no Polo Caruaru, no agreste, recebeu mais de 30 partidas na abertura das Olimpíadas do Sistema 2019 para os Jogos Eletrônicos nesse final de semana.

Para o coordenador da modalidade, Kleber Nascimento, a novidade agradou muito os amantes dos games. "Os jogos eletrônicos hoje em dia não poderiam deixar de ser incluídos na nossa liga", afirmou.

Foram três telões disponíveis para jogadores de todas as idades. Muitas crianças, adolescentes e familiares estiveram no local. João Guilherme, de 10 anos se divertiu e não segurou a adrenalina. O empresário Alessandro Moreira, pai do menino, aprovou a realização do evento: " O coração fica a mil, ele treina um pouco em casa, joga. É muito legal essa modalidade nova do esporte".

O jogador João Neto, de 16 anos, já tem experiência com esse tipo de competição. Ele foi campeão da seletiva realizada na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no ano passado e ainda jogou nos Estados Unidos e na Suécia.

Para o jogador, ainda falta um título na cidade em que nasceu. "Acho que é muito importante ter o título aqui na minha cidade. Nunca ganhei um campeonato em Caruaru e acho muito bom a iniciativa das Olimpíadas do Sistema", conta.

Foram mais de três mil inscritos para participar dos jogos, de 42 escolas, 14 modalidades e dez cidades envolvidas. Além dos jogos eletrônicos, também há outras modalidades como xadrez, tênis de mesa, natação, ginástica, karatê, judô e futsal.

O organizador das Olimpíadas do sistema Severino Júnior fez um balanço positivo do final de semana de jogos. "O final de semana foi muito animado. Foi muito boa a participação das crianças, adolescentes e também das famílias. No domingo, no colégio Irene Borges, tivemos a competição de xadrez, onde tivemos os primeiros campeões dos jogos".

Veja a reportagem:

Mais Lidas