Internet

Volta do Orkut agita os internautas brasileiros

Apesar de muito semelhante, rede social não é a mesma de antes

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 06/10/2020 às 11:52
NOTÍCIA
Reprodução/Orkut
FOTO: Reprodução/Orkut
Leitura:

A rede social Orkut fez muito sucesso entre 2004 e 2014 no Brasil. O desenvolvedor de web Murilo Fagá decidiu recriar o site para trazer nostalgia aos antigos usuários da rede. O site é muito semelhante ao antigo, mas há algumas diferenças.

Ao acessar o site, é possível encontrar o aviso: "O Orkut.br não tem vínculo com o Google e não é o mesmo site que o Orkut.com. Caso a sua intenção seja acessar a antiga rede social filiada ao Google, pedimos desculpas, mas não será possível. Infelizmente, o Orkut.com encerrou suas atividades em 2014."

O site mantém o visual do Orkut e alguns recursos, como deixar depoimentos para amigos, entrar em comunidades e avaliações de “confiável, legal e sexy” . Comunidades que foram muito populares como "Eu odeio acordar cedo", "Deus me disse: desce e arrasa" e "Eu amo a minha mãe" também foram recriadas.

Como se cadastrar

Para realizar o cadastro, é necessário informar dados como nome, data de nascimento, e-mail, sexo e país. Após o registro, já é possível acrescentar mais informações e adicionar amigos.

Privacidade

É importante relembrar que o novo site não é um serviço oficial do Google. De acordo com o Techtudo, a plataforma tem com um sistema de segurança que inclui certificado SSL, proteção contra infecções de malware e ataque distribuído de negação de serviço (DDoS). Porém, durante testes, o site se mostrou instável e apresentou erros.

Mais Lidas