Processo

Xuxa processa apresentador Sikêra Júnior por apologia à zoofilia

Artista ainda pede que programa apresentado por ele seja retirado do ar

NE10 Interior NE10 Interior
NE10 Interior
NE10 Interior
Publicado em 17/11/2020 às 12:59
NOTÍCIA
Reprodução/RedeTV!/Record
FOTO: Reprodução/RedeTV!/Record
Leitura:

Xuxa Meneghel decidiu processar o apresentador Sikêra Júnior por fazer apologia à zoofilia durante o programa que ele apresenta. Na sua coluna no site da Vogue, Xuxa havia criticado o jornalista no dia 28 de outubro e disse que pretendia processá-lo por causa da exibição de uma cena de zoofilia no programa 'Alerta Nacional'.

Nessa segunda-feira (16), o portal Notícias da TV informou que o pedido de Xuxa foi registrado no dia 27 de outubro na Vara Cível do Foro Regional de Santo Amaro, em São Paulo.

Ela pede indenização de R$ 500 mil ao apresentador e disse que o dinheiro será doado para instituições de cuidam de animais. Além da indenização, Xuxa também pede a suspensão do registro profissional do jornalista, e a retirada do programa do ar.

No texto para a Vogue, Xuxa diz: "Na imagem que eu vi ele estava rindo, debochando de um crime, a zoofilia. Ao invés de o apresentador dizer o quanto isso é errado, ele pede para alguém da sua equipe usar uma máscara de bicho e outra pessoa fazer a cena de estupro. Tudo isso abaixo de muitos risos".

Segundo Notícias da TV, Xuxa pediu que o caso seja julgado com urgência.

Durante o Alerta Nacional, Sikêra Júnior respondeu às críticas da artista, a chamou de pedófila e a acusou de fazer apologia às drogas.

*Com informações da Istoé Gente

Mais Lidas