Viralizou

Usando carroça como veículo de fuga, trio cerca, ataca e assalta ciclista; veja vídeo

Caso aconteceu na região metropolitana do Recife

Antonio Virginio Neto
Antonio Virginio Neto
Publicado em 20/11/2021 às 10:59
Notícia
Reprodução/alertacampogrande
Vídeo viralizou nas redes sociais - FOTO: Reprodução/alertacampogrande
Leitura:

Um ciclista de 60 anos foi derrubado da bicicleta e teve o veículo roubado enquanto passava pelo bairro do Hipódromo, zona Norte do Recife. O homem transitava pela rua Retiro Saudoso na noite da terça-feira (16) quando foi abordado violentamente por uma dupla que estava em uma carroça. Ele foi cercado, atacado e assaltado pelos suspeitos.

..

Câmeras de segurança flagraram a ação. Os suspeitos agiram em trio. Enquanto dois realizavam o assalto, um guiava a carroça. Nas imagens, é possível perceber que um dos homens está armado. Após derrubar a vítima, a dupla rouba a bicicleta dele, o agridem e tentam levar a mochila do homem. A vítima resiste à ação e o suspeito não consegue levar a mochila.

Após o crime, os homens fogem do local levando a bicicleta da vítima. O homem se levanta do chão e tenta ir embora, não demonstrando sinais de ferimentos graves.

> Idoso é atropelado e arrastado por carroça desgovernada no Sertão; veja vídeo

Segundo informações obtidas pelo Jornal do Commercio, a vítima, que não quis se identificar, é autônoma e atua como personal trainer. Ele voltava do trabalho quando foi atacado pelos homens. "Quando eu entrei na rua já escutei as passagens do cavalo bem aceleradas. Eles me ultrapassaram e pararam à carroça já me apontando a arma. Um deles puxou a bicicleta pelo guidão e eu caí. Eles gritavam: 'larga, solta!', e eu senti uma dor no ombro e gritei, foi quando eles correram", explicou.

> Suspeitos de assalto são presos após tentarem escapar da polícia em carroça; veja vídeo

Após o assalto, a vítima foi atendida na Policlínica Campina do Barreto, Zona Norte do Recife, devido a uma fratura no ombro. O homem também relata arranhões e cortes no corpo. "Fiquei todo ensanguentado, fui para a Policlínica. Depois de muita espera fui atendido, era uma fratura no ombro. Tive também um corte profundo no dedo da mão. O médico também me receitou uma medicação que não tinha na unidade, além também de faltar material para fazer o curativo. A profissional lavou meus ferimentos com soro e colocou uma gaze", informou ao JC.

O JC solicitou maiores informações às polícias Militar e Civil sobre o caso, mas até a publicação desta matéria, não obteve retorno. Procurada pela reportagem, a Secretaria de Saúde do Recife, até o momento, também não se pronunciou.

Usando carroça como veículo de fuga, trio cerca, ataca e assalta ciclista; veja vídeo

Comentários

Mais Lidas