ESPECIAL

CHITÃOZINHO E XORORÓ 50 ANOS DE CARREIRA: Tudo o que se sabe até agora sobre especial de Chitãozinho & Xororó na Globo

TV Globo exibe especial nesta quarta-feira (1º), com apresentação de Pedro Bial

Anderson Alves
Anderson Alves
Publicado em 31/05/2022 às 16:17 | Atualizado em 31/05/2022 às 16:21
Notícia
Reproodu�§�£o/TV Globo
Chit�£ozinho e Xoror�³ completam 50 anos de carreira com programa especial apresentado por Pedro Bial na TV Globo - FOTO: Reproodu�§�£o/TV Globo
Leitura:

Nesta quarta-feira (1/6), a TV Globo exibe o especial "Chitãozinho e Xororó, 50 anos de história", para celebrar a trajetória da dupla José Lima Sobrinho e Durval de Lima, os ídolos do sertanejo.

Confira tudo o que se sabe sobre o especial:

Produzido pela equipe do programa "Conversa com Bial", o especial terá entrevistas conduzidas pelo apresentador Pedro Bial com resgates inéditos de materiais de arquivo e musicais.

As gravações foram realizadas em maio no interior de Campinas, em São Paulo. O programa levou os cantores até uma casa caipira ambientada com elementos da trajetória deles, tanto pessoal quanto profissional.

..

Reprodução/ TV Globo
Especial terá casa sertaneja com itens importantes da carreira da dupla - Reprodução/ TV Globo

A ascensão da música sertaneja, as dificuldades em início de carreira, a escolha do nome da dupla e os shows em circos estão entre os assuntos que serão abordados no programa.

"A gente lembra lá do comecinho da carreira quando a gente cantava nos cirquinhos de periferia de São Paulo, do Brasil”, contou Xororó ao portal G1.

Segundo a diretora artística do programa especial, Monica Almeida, os fãs também ajudaram na produção, enviando materiais que puderam ser utilizados durante a gravação. “Tem uma fã que mandou muita coisa, fãs mesmo que a gente foi pedindo e tinham preciosidades”, contou.

Que horas será exibido o especial do Chitãozinho & Xororó?

"Chitãozinho & Xororó - 50 anos de história" vai ao ar na noite desta quarta-feira (1/6), logo após a exibição da novela 'Pantanal'.

Com informações do portal GauchaGZH.

Comentários

Mais Lidas