DEPP vs. AMBER

PATRIMÔNIO AMBER HEARD: Após julgamento de Johnny Depp, Amber pode não pagar indenização; entenda

Defesa da atriz afirmou em programa de TV que Heard planeja recorrer sobre o veredito

Anderson Alves
Anderson Alves
Publicado em 02/06/2022 às 15:25 | Atualizado em 02/06/2022 às 15:30
Notícia
MICHAEL REYNOLDS / POOL / AFP
Amber Heard em depoimento - FOTO: MICHAEL REYNOLDS / POOL / AFP
Leitura:

Nesta quinta-feira (2/6), em entrevista ao programa de TV americano Today Show, Elaine Charlson Bredhoft, principal advogada da atriz Amber Heard, afirmou que a atriz não pode pagar a indenização concedida a Johnny Depp, seu ex-marido, no julgamento.

Ontem, após o fim do julgamento, o veredito do júri foi de que o casal terá que pagar indenizações mútuas.

Confira os valores que os atores terão que pagar um ao outro:

  • Amber terá que indenizar Depp com US$ 8,35 milhões (cerca de 40,2 milhões de reais).
  • Deep, que perdeu um processo de difamação, promovido por Amber, terá que pagar  US$ 2 milhões (cerca de 9,6 milhões de reais).

Elaine Charlson, advogada de Amber afirmou nesta quinta-feira (2), ao programa Today Show, da emissora americana NBC, que a atriz não conseguiria pagar os US$ 8,35 milhões de indenização.

Segundo a advogada, Amber Heard planeja apelar sobre o veredito.

“É um retrocesso significativo […] Ao menos que você pegue seu smartphone e filme seu parceiro batendo em você, não acreditarão em você”, opinou a advogada sobre a decisão do júri.

Com informações do Metrópoles.

Comentários

Mais Lidas