SPORT

Ídolo do Sport é questionado após falhas nesse início de temporada

Giliard
Giliard
Publicado em 15/02/2019 às 11:27
NOTÍCIA
Leitura:

Ídolo do Sport é questionado após falhas nesse início de temporada
Foto: Alexandre Gondim/JC Imagem

Magrão já não é incontestável na Ilha do Retiro. Após passar por cirurgia no antebraço direito e ficar três meses sem atuar, o goleiro não voltou aos gramados com a mesma segurança que sempre lhe acompanhou ao longo dos seus 13 anos de clube. A prova é tanta que, nos sete gols sofridos pelo Sport nesses seis primeiros jogos da temporada, o camisa 1 acabou falhando em quatro: Flamengo de Arcoverde, e nos três gols da Tombense, anteontem, na eliminação da Copa do Brasil em dois espalmou a bola para frente da área nos gols de Juan e Denílson. No terceiro, não conseguiu evitar que a bola passasse por baixo do seu corpo.

De acordo com informação apurada pela reportagem do JC, ainda em dezembro, o nome de Magrão já não era unanimidade no clube mesmo tendo contrato em vigor até o final de 2019. Com uma ala da direção leonina já defendendo uma renovação na meta rubro-negra, com a entrada natural do jovem prata da casa Maílson (22 anos) no lugar do veterano Magrão (41).

Porém, essa troca, não aconteceria apenas por conta da diferença de idade. E sim por tudo que Maílson fez na reta final do Brasileirão do ano passado. Mesmo o Sport sendo rebaixado à Série B, o prata da casa de 1,97m teve um retrospecto altamente positivo. Em 13 partidas disputadas na Primeira Divisão, saiu vitorioso em seis jogos, empatou cinco e perdeu apenas duas. Em duelos, por sinal, salvou o time rubro-negro da derrota, como aconteceu no empate com o São Paulo, Morumbi, defendendo um pênalti de Nenê, aos 30 minutos do segundo tempo.

Via Blog do Torcedor

Mais Lidas