Futebol

Santos suspende contrato com Robinho após ameaças de perda de patrocínio

Ele foi condenado por participar de um estupro coletivo na Itália

Equipe NE10 Interior
Equipe NE10 Interior
Publicado em 17/10/2020 às 10:09
NOTÍCIA
Divulgação/Santos
FOTO: Divulgação/Santos
Leitura:

O Santos decidiu suspender o contrato com o atacante Robinho após ameaças de rompimento de contratos de patrocinadores. "O Santos Futebol Clube e o atleta Robinho informaram que, em comum acordo, resolveram suspender a validade do contrato firmado no último dia 10 de outubro para que o jogador possa se concentrar exclusivamente na sua defesa no processo que corre na Itália", diz a nota do clube.

O jogador publicou um vídeo se pronunciando sobre a saída do time. "Com muita tristeza no coração, venho falar para vocês que tomei a decisão junto do presidente de suspender meu contrato neste momento conturbado da minha vida. Meu objetivo sempre foi ajudar o Santos Futebol Clube. Se de alguma forma estou atrapalhando, é melhor que eu saia e foque nas minhas coisas pessoais. Para os torcedores do Peixão e aqueles que gostam de mim, vou provar minha inocência", afirmou.

De acordo com informações do UOL, o clube teria um prejuízo de R$ 20 milhões por ano caso todos os contratos de patrocínio fossem encerrados. A Orthopride chegou a romper o contrato.

Entenda o caso

O atacante foi contratado no último sábado (10) e gerou revolta, uma vez que ele foi condenado por estupro pela Justiça da Itália, em 2017. O caso ocorreu em 2013 e envolve o estupro coletivo de uma jovem de origem albanesa; o jogador nega as acusações.

As pressões aumentaram ainda mais após a divulgação pelo Globo Esporte da transcrição de conversas gravadas de Robinho falando sobre o caso. "Estou rindo porque não estou nem aí, a mulher estava completamente bêbada, não sabe nem o que aconteceu", disse o jogador, segundo a transcrição divulgada.

Mais Lidas