olimpíadas

Ítalo Ferreira conquista 1ª medalha de ouro do Brasil nas Olimpíadas de Tóquio

O nordestino se emocionou ao fim da competição: "só tenho que agradecer a Deus por tudo isso".

Eduarda Cabral
Eduarda Cabral
Publicado em 27/07/2021 às 7:30
NOTÍCIA
Reprodução da internet
FOTO: Reprodução da internet
Leitura:

Durante a madrugada desta terça-feira (27), o Brasil conquistou sua primeira medalha de ouro nas Olimpíadas de Tóquio. O reconhecimento de melhor do mundo no surfe masculino foi concedido ao potiguar de Baía Formosa, Ítalo Ferreira, que enfrentou as ondas na praia de Tsurigasaki e fez história como o primeiro medalhista de ouro da história da categoria em uma olimpíada.

Logo no começo da bateria, a prancha de Ítalo quebrou e fez com que ele tivesse que nadar até a areia para recomeçar. O surfista brasileiro enfileirou manobras, colocando em prática o que tem preparado durante uma vida de treinos, e impressionou o mundo inteiro. 

Ítalo conseguiu três boas notas, o suficiente para deixar o japonês Igarashi na dianteira. No somatório final, ele teve 15,14, enquanto o rival tinha 6,60. A comemoração da medalha começou antes mesmo do sino final tocar encerrando a competição. 

Logo após sair da água, Ítalo se emocionou ao comentar sobre a conquista, recordando sua trajetória e sua avó. "Eu vim com uma frase para o Japão: diz amém que o ouro vem. Eu treinei muito nos últimos meses, mas só tenho que agradecer a Deus por tudo isso. Meu intuito é ajudar as pessoas e as famílias. Eu queria que a minha avó estivesse viva para ver isso. Sou muito feliz pelo que me tornei, pelo que fiz pelos meus pais. Sempre pedi para que esse sonho fosse realizado e ele aconteceu", disse em entrevista ao SportTV.

 

Gabriel Medina

Outro brasileiro que também estava na disputa pelo pódio foi Gabriel Medina, que acabou deixando a competição sem medalhas. Medina levou uma virada de Kanoa Igarashi na semifinal e acabou ficando de fora da disputa pelo ouro. Na disputa pelo bronze, o paulista acabou perdendo de 11.97 a 11.77 para o australiano Owen Wirght.

Gabriel Medina conquistou nota 9, a segunda melhor no torneio olímpico de surfe
Gabriel Medina conquistou nota 9, a segunda melhor no torneio olímpico de surfe
Reprodução/ @JogosOlímpicos

Mais Lidas