Lewis Hamilton

Após fala racista, Lewis Hamilton detona Nelson Piquet em redes sociais; veja o que ele disse

Após as falas racistas de Nelson Piquet direcionadas a Lewis Hamilton tomarem conta conta da internet na última segunda-feira (28), o piloto da Mercedes respondeu

Gabriel Neukranz
Gabriel Neukranz
Publicado em 28/06/2022 às 9:54 | Atualizado em 28/06/2022 às 9:57
AFP
Lewis Hamilton, piloto da Mercedes na Fórmula 1 - FOTO: AFP
Leitura:

Após as falas racistas de Nelson Piquet direcionadas a Lewis Hamilton tomarem conta conta da internet na última segunda-feira (28), o piloto da Mercedes respondeu. Através de sua rede social, Hamilton detonou o brasileiro e falou em mudança de mentalidade. 

Piquet usou o termo "neguinho" para se referir a Hamilton em uma entrevista veiculada em 2021. A fala ganhou repercussão nessa segunda-feira (28) e viralizou nas redes sociais, gerando várias críticas contra o brasileiro.

"É mais do que a linguagem. Esse mentalidade arcaica precisa mudar e não tem mais espaço no nosso esporte", disse Lewis Hamilton em um dos trechos de sua tuitada nesta terça-feira (28).

Lewis Hamilton ainda tuitou em português para pedir uma mudança de mentalidade. "Vamos focar em mudar a mentalidade".

O britânico também compartilhou um uma mensagem de um seguidor que escreveu "E se Lewis Hamilton somente tuitasse 'quem é Nelson Piquet?'", com o uso de palavrões na expressão em inglês. Hamilton apenas colocou um "Imagine" no compartilhamento.

HAMILTON RECEBE APOIO DE FIA E MERCEDES

Nesta terça-feira, Mercedes, equipe de Hamilton, e a FIA, Federação Internacional de Automobilismo, também criticaram Piquet e o uso de termos racistas contra Hamilton. 

 

Confira a nota da Mercedes na íntegra

"Linguagem discriminatória ou racista é inaceitável de qualquer forma e não deve fazer parte da sociedade. Lewis é um embaixador incrível do nosso esporte e merece respeito.

Seus esforços incansáveis para aumentar a diversidade e a inclusão são uma lição para muitos e algo com o que estamos comprometidos na F1.

Condenamos nos termos mais fortes qualquer uso de linguagem racista ou discriminatória de qualquer tipo. Lewis liderou os esforços do nosso esporte para combater o racismo e ele é um verdadeiro campeão da diversidade dentro e fora das pistas.

Juntos, compartilhamos a visão de um automobilismo diversificado e inclusivo, e este episódio destaca a importância fundamental de continuar lutando por um futuro melhor".

Veja a nota da FIA na íntegra

"A FIA condena fortemente qualquer expressão racista ou discriminatória, que não tem lugar no esporte ou na sociedade. Prestamos nossa solidariedade a Lewis Hamilton e nosso apoio ao seu compromisso pela igualdade, diversidade e inclusão no esporte a motor".

O QUE PIQUET FEZ?

Em uma entrevista concedida em julho 2021, Piquet foi perguntado sobre uma ultrapassagem de Verstappen, que namora a sua filha - Kelly Piquet, sobre Hamilton. Durante a análise, Piquet usou o termo "neguinho" várias vezes.

"O neguinho meteu o carro e não deixou (Verstappen desviar). O neguinho deixou o carro porque não tinha como passar dois carros naquela curva. Ele fez de sacanagem. A sorte dele foi que só o outro se f*deu. Fez uma p*ta sacanagem", disse.

Mais Lidas