Polícia

Preso suspeito de assassinar secretário de Lajedo

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 15/05/2010 às 8:16
NOTÍCIA
Leitura:

O mototaxista José Carlos de Oliveira Melo, de 31 anos, foi preso na tarde dessa sexta-feira (14) no município de São Bento do Una, Agreste pernambucano, acusado de participação no assassinato do secretário de Agricultura de Lajedo, Hilamar Ferreira Amaral, 24, morto com um tiro na cabeça na manhã da última quinta.

O suspeito, que estava armado com um revólver calibre 38 da marca Rossi, encontra-se na Cadeia Pública de Lajedo. Há informações de que outras pessoas estão envolvidas no caso.

O CRIME - O homicídio aconteceu na Rua 13 de Junho, no bairro do Socorro, por volta das 8h30, quando o secretário saía para trabalhar. Hilamar foi levado para a Casa de Saúde Nossa Senhora da Penha, mas chegou morto à unidade. Segundo parentes, o secretário tirou o carro da garagem, fechou o portão, e estava saindo, quando foi atingido.

“Estamos trabalhando com várias possibilidades. Uma delas é a tentativa frustrada de roubo. Também existe a hipótese do crime ter relação com um assalto que ele sofreu recentemente”, destacou o delegado de Lajedo, Gilberto Meira Lins. O assalto aconteceu no dia 26 de abril e vinha sendo investigado pela polícia.

Naquele dia, Hilamar foi amarrado e colocado na carroceria de uma caminhonete da Prefeitura de Lajedo. Quando o carro passava no Sítio Capoeiras, ele percebeu que se aproximava de uma escola e jogou-se da carroceria, livrando-se dos assaltantes. Os bandidos levaram R$ 400 do secretário e o carro. O veículo foi encontrado no mesmo dia, abandonado, com a chave na ignição, no Sítio Água Fria, zona rural da cidade.

O secretário estava no cargo desde 2008, era divorciado e não tinha filhos. Morava com um primo.

Mais Lidas