Que vergonha...

Por Dilson Oliveira
Por Dilson Oliveira
Publicado em 09/06/2010 às 15:53
NOTÍCIA
Leitura:

O que pudemos acompanhar nos últimos dias através da TV Jornal de Caruaru, em meu programa O Povo na TV, é simplesmente vergonhoso para a administração municipal: uma médica e uma diretora administrativa de uma policlínica local trocar farpas dentro da unidade de saúde, e através de um veículo de comunicação.

Tudo teria começado por causa de uma investigação que estaria sendo feita contra a médica, por suposto mal atendimento e relacionamento com a população.

O fato provocou ira na pediatra que resolveu ir à forra, fazendo uma série de denúncias contra a Secretaria de Saúde de Caruaru e até ameaças à diretora administrativa.

A turma do “deixa disso” logo entrou em cena, mas ao invés de lavar a roupa suja em casa, a polícia foi acionada, e a médica levada de camburão para uma delegacia local, numa verdadeira cena de baixaria, depois de muito bate-boca.

No distrito policial, a médica registrou uma queixa alegando estar sendo caluniada, e posteriormente a diretora administrativa também registrou ocorrência alegando estar sofrendo ameaças.

É vergonhoso que pessoas que são pagas com o meu e o seu dinheiro, para cuidar bem da saúde dos menos favorecidos, possam estar envolvidas em cenas desta natureza.

A prefeitura de Caruaru anunciou, com a maior simplicidade, que se tratou apenas de um caso de “estresse do trabalho” e que já abriu sindicância para apurar e punir os culpados.

É bom que apure, e puna mesmo, porque mais que ver esse tipo de cena nas unidades de saúde local, é preciso atender bem a população, e não se consegue fazer isto, quando não se tem sequer educação interna entre quem quer oferecer o serviço. Como diria o saudoso Adilson Couto, QUE VERGONHA!  

Mais Lidas