AGRESTE

Tremor assusta comunidade em Tacaimbó

Do Jornal do Commercio
Do Jornal do Commercio
Publicado em 12/06/2010 às 7:42
NOTÍCIA
Leitura:

Um tremor de 2.7 graus na escala Richter assustou os moradores de Tacaimbó, no Agreste, na manhã dessa sexta-feira (11). De acordo com o Departamento de Sismologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), o fenômeno aconteceu às 6h58 e não provocou prejuízos.

O sismólogo Eduardo Alexandre disse que o tremor foi registrado por todas as estações instaladas em Pernambuco e por equipamentos que ficam na cidade de Riachuelo, no Rio Grande do Norte. “As estações de Sanharó e Gravatá passam dados on line e recebemos essas informações. Mas só vamos saber o local exato quando coletarmos dados das outras estações”, explicou.

Segundo ele, abalos dessa magnitude geralmente são sentidos pela população num raio de até 15 quilômetros, mas não provocam danos. Os técnicos já tinham visita agendada na região na próxima semana e vão aproveitar para ir a Tacaimbó na quarta ou quinta-feira.

Estudos realizados em 2003 mostraram que Tacaimbó está localizada em área com falha no solo, provocando os abalos sísmicos. Eduardo Alexandre lembrou que esses fenômenos ocorrem com frequência também em outros municípios. A última cidade a registrar tremores foi Cupira, onde foram instalados dez sismógrafos.

Mais Lidas