VIOLÊNCIA

Grávida pode ter sido assassinada por engano, diz polícia

Diego Barbosa
Diego Barbosa
Publicado em 14/06/2010 às 12:00
NOTÍCIA
Leitura:

A Polícia Civil de Pernambuco está investigando o assassinato de Ana Clécia Alves da Silva, de 26 anos, morta  na noite desse sábado (12), no bairro São João da Escócia, em Caruaru, Agreste de Pernambuco.

De acordo com o delegado de Homicídios em Caruaru, Bruno Vital, a primeira hipótese para a causa do crime é que Ana Clécia, que estava grávida de seis meses, tenha sido executada por engano.

\"Até agora não existe nenhum indício de crime passional ou vingança\", afirmou o delegado.

Ana Clécia estava na frente da casa da sogra quando quatro homens se aproximaram efetuando vários disparos de espingarda calibre 12 contra ela.

Ana Clécia ainda foi levada para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, mas não resistiu. Os médicos também não conseguiram salvar a criança.

» LEIA TAMBÉM: Mulher é morta a tiros e outra fica gravemente ferida em Bonito

Mais Lidas