JUSTIÇA

Ex-prefeito de Água Preta terá que restituir R$ 14 mil

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 22/07/2010 às 7:58
NOTÍCIA
Leitura:

O ex-prefeito de Água Preta Paulo Humberto Barreto terá que restituir cerca de R$ 14 mil ao município. O Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE) recusou a prestação de contas do ano de 2007, quando ele exercia o cargo majoritário do município.

O TCE emitiu parecer prévio recomendando a Câmara de Vereadores do município a rejeição dessas contas. O valor, que inicialmente era de R$ 13.975,32, será corrigido monetariamente.

LEIA MAIS
TCE rejeita contas do Fundo de Saúde de Altinho
 
Segundo o relator do processo, auditor substituto Ruy Ricardo Harten, as irregularidades foram identificadas em pagamentos indevidos em obras de recuperação da iluminação pública do Estádio Municipal e na pavimentação de diversas ruas do distrito de Santa Terezinha.

Além disso, o ex-prefeito teria gastado com despesas pessoais em torno de 65,93%, o que ultrapassa o limite da Lei de Responsabilidade Fiscal, que é de 54%.

O TCE determinou ainda o envio de cópia do processo ao Ministério Público de Contas e Ministério Público Estadual.

Mais Lidas