INSEGURANÇA

Mesmo após assalto, aeroporto deve continuar sem segurança

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 27/07/2010 às 16:40
NOTÍCIA
Leitura:

ATUALIZADO ÀS 17H17

O assalto ao bimotor da empresa JAD Táxi Aéreo, que foi interceptado por oito homens armados na noite dessa segunda-feira (26), no Aeroporto Oscar Laranjeiras em Caruaru, Agreste do Estado, denunciou a falta de segurança no local.

A ação ousada dos bandidos que cortaram a cerca de segurança e invadiram a pista de voo atirando contra a aeronave chamou a atenção das autoridades locais.

O JC Online entrou em contato com o gestor do Sistema de Aeródromos de Pernambuco, Fernando Maranhão que assumiu a falha do Estado

“Quando firmamos o convênio em 2009 com a Prefeitura de Caruaru, não delegamos ao município a necessidade de contratar uma empresa de segurança para o Aeroporto, por que entendíamos que não havia demanda. Por isso, não temos perspectiva de contratação de pessoal para a segurança do local”, disse.

Ainda segundo ele, diariamente ficam no Oscar Laranjeiras dois guardas patrimoniais trabalhando na área interna do prédio para evitar possíveis ações de vândalos.

Mais Lidas