JUSTIÇA

Justiça ouve acusados de matar vereador em Taquaritinga do Norte

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 06/10/2010 às 11:44
NOTÍCIA
Leitura:

A Justiça está ouvindo na manhã desta quarta-feira (6) em Taquaritinga do Norte, Agreste de Pernambuco, 12 testemunhas do assassinato do vereador Luiz Manoel de Menezes (PSB), conhecido como 'Luiz do Sindicato', morto em outubro de 2005.

A previsão é que os depoimentos sigam até esta quinta (7), no auditório da Câmara de Vereadores da cidade. Além de vereador, a vítima também era presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Taquaritinga do Norte. Ele foi morto a tiros por dois homens que invadiram o sítio da vítima.

LEIA MAIS
» Acusados de matar sindicalista serão julgados

A amante de Luiz do Sindicato, Monique Ramos, é uma das acusadas. Além dela, outros três homens estão detidos e também participam da audiência. Os envolvidos são julgados por homicídio duplamente qualificado. A pena para este crime varia de 12 a 30 anos de reclusão.

» Confira as imagens da movimentação no local. Imagens enviadas pelo jornalista Henrique Figueirôa, especial para o JC Online:

CRIME -  Overeador Luís Manoel de Menezes foi morto a tiros dentro de uma de suas casas, no Sítio Silva, em outubro de 2005. De acordo com a polícia, dois homens encapuzados teriam assaltado o vereador, levado a moto e o celular dele, e em seguida atirado e fugido. No momento do crime, a mulher do vereador, Monique Ramos, e uma filha do casal, que na época tinha 4 anos, presenciou o fato.

Mais Lidas