IMPRENSA

JC Agreste na final do Prêmio ANA 2010

Leitura:

O suplemento JC Agreste, que circula aos domingos encartado ao Jornal do Commercio na região, é um dos três finalistas do Prêmio ANA 2010, concurso da Agência Nacional de Águas. A reportagem selecionada, na categoria Imprensa, foi Ipojuca pede socorro, de Myllena Valença e Pedro Romero, publicada em 21 de março, em comemoração ao Dia Mundial das Águas. Os vencedores serão conhecidos dia 1º de dezembro, em solenidade que será realizada em Brasília.

O concurso teve como tema Água: o desafio do desenvolvimento sustentável e recebeu 286 inscrições. São sete categorias: empresas, ensino, governo, ONG, organismos de bacia, pesquisa e inovação tecnológica e imprensa. Concorrem com o JC, na categoria Imprensa, a TV Jangadeiro, de Fortaleza, com a reportagem Águas do Ceará – o caminho para o desenvolvimento, e a TV Globo São Paulo, com a reportagem Projeto rios de São Paulo.

O JC Agreste mostrou a situação do Rio Ipojuca da nascente, na Serra do Pau D’Arco, em Arcoverde, Sertão, até a foz, em Ipojuca, no Litoral. Nesse trajeto, foram registradas a poluição do rio e as histórias de vida de quem dele sobrevive.

“Fico feliz porque o prêmio mostra a capacidade dos profissionais que trabalham no interior. A reportagem levanta o debate sobre o Ipojuca e esse era o principal objetivo do trabalho”, diz o jornalista Pedro Romero. Para Myllena Valença, conhecer de perto a vida dos ribeirinhos foi inesquecível: “O especial foi um apelo da população ribeirinha, mais atingida pela poluição”.


Mais Lidas