Sport e Náutico perdem pontos que podem fazer falta no final

NOTÍCIA
Leitura:

No último Clássico dos Clássicos da década, Sport e Náutico ficaram na igualdade: 1x1. O resultado não foi bom para nenhuma das equipes. Em situações opostas na tabela o empate deixou ambos mais longe de seus objetivos.

O Leão que briga para voltar à Série A teve menos prejuízo. Estava a três pontos do G4 e agora está a dois. Mas se tivesse vencido estava empatado em número de pontos com o América-MG, perdendo apenas no saldo de gols.

O Náutico, apesar de marcar o primeiro ponto após 11 derrotas seguidas longe dos Aflitos caiu duas posições e é o primeiro fora da zona de rebaixamento. O Timbu está a apenas cinco pontos do temido Z4.

Para o bem do futebol pernambucano o melhor mesmo era que houvesse um vencedor nesta partida e outro no primeiro turno que terminou com o mesmo placar. Se o Náutico tivesse ganho aquela partida do mês de julho nos Aflitos e o Sport a do último sábado, os dois estariam com um ponto a mais. Pode parecer pouco, mas um ponto faz uma diferença incrível no final das contas.

Por um ponto o Fluminense escapou do rebaixamento da Série A para a B no ano passado. Por um ponto no mesmo campeonato o Palmeiras perdeu a vaga na Libertadores para o Cruzeiro. Um pontinho pode decretar a permanência do Timbu na Segundona ou o acesso do Leão para a elite.

São pontos perdidos que os times não têm mais como conquistar. As 11 derrotas seguidas fora de casa dos alvirrubros, por exemplo, se tivessem sido 11 empates o Náutico estaria no mesmo patamar que o Sport, brigando pelo acesso. Os tropeços recentes do Leão na Ilha para Bahia e Ipatinga, então lanterna, e para o Icasa no começo do campeonato, se tivessem sido empates o rubro-negro estaria integrando o G4 com três pontos a mais.

Ainda restam sete rodadas para o fim da Série B, 27 pontos em disputa. E é bom que nossos representantes conquistei a maioria deles para conseguirem os objetivos: acesso e escapar do rebaixamento. O sinal de alerta deve estar aceso, pois o limite entre o céu e o inferno pode ser de apenas um ponto.

Mais Lidas