ABANDONO

Colégio abandonado serve de abrigo para dezenas de famílias no interior

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 03/11/2010 às 8:16
NOTÍCIA
Leitura:

Dezenas de famílias estão vivendo em condições sub-humanas, no prédio de um colégio abandonado há 20 anos, no centro de Sanharó, no Agreste de Pernambuco. Os moradores denunciam o descaso e dizem que o telhado do colégio pode desabar a qualquer momento.

As condições de higiene são precárias, em alguns alojamentos não há sequer banheiro. “Como aqui não tem banheiro, a gente usa o chão mesmo e depois lava. É o jeito”, lamenta Maria José Alves, que tem 25 anos e é mãe de quatro filhos.

O prédio apresenta rachaduras em várias partes, infiltrações em praticamente todo o telhado e uma instalação elétrica totalmente improvisada. O local nunca recebeu uma visita da Vigilância Sanitária do município. Constantemente muitas pessoas adoecem, sobretudo, vítimas de picadas como escorpião, que é muito comum no local.

No município estão sendo construídas 200 casas populares, mas a obra orçada em mais de R$ 2 milhões, segue em ritmo lento. Pessoas alheias à situação, já começaram a saquear materiais de construção do local.

Mais Lidas