QUEIMADAS

Clima quente favorece queimadas no Agreste

Do JC Online do JC Online
Do JC Online
do JC Online
Publicado em 27/11/2010 às 18:49
Leitura:

Com o sol forte e o tempo quente, a vegetação sofre com as ações do clima e do homem. Nesta época as ocorrências de queimadas são constantes por conta do grande período de estiagem.

A vegetação seca fica vulnerável e até mesmo uma simples ponta de cigarro ou um pedaço de vidro podem provocar uma queimada. O 5º Grupamento do Corpo de Bombeiros em Caruaru, no Agreste, tem recebido toda semana chamados dessa natureza. Só este ano já foram cerca de 80 ocorrências.

A última delas foi no Parque Ecológico João Vasconcelos Sobrinho, a Serra dos Cavalos. Cerca de 2 hectares foram queimados pelo fogo. Nesses casos o fogo se alastra rapidamente e por muitas vezes, por ser provocado pelo próprio homem, poderia ser evitado.

“ As pessoas tem que tomar cuidado, porque nessa época a vegetação está muito seca e qualquer coisa pode queimar e o fogo se alastra rapidamente causando prejuízos à população”, disse o tenete dos bombeiros Ezequiel Farias.


Mais Lidas