POLUIÇÃO

Lavanderias causam prejuízos no Agreste

Do JC Online do JC Online
Do JC Online
do JC Online
Publicado em 29/11/2010 às 10:00
Leitura:

A poluição causada por três lavanderias que funcionam no Centro de Vertentes, no Agreste de Pernambuco, está prejudicando até a saúde dos moradores.

De acordo com o costureiro Aguimar José, a esposa e a filha dele, são alérgicas e as doenças têm se agravado por causa da fumaça expelida pelas lavanderias. “Minha filha está engordando por causa dos efeitos colaterais dos fortes antibióticos que ela tem que tomar para não piorar da asma. Isso é um absurdo, nós já reclamamos aos donos, mas eles não resolvem nada”, explicou.

A poucos metros das lavanderias funciona uma maternidade que de acordo com a diretora da unidade, Niedja Santana, vem aumentando os casos de crianças doentes. “ As mães chegam aqui dizendo que as crianças só vivem gripadas e com tose. Se este problema não for resolvido com rapidez, a inalação desta fumaça vai diminuindo a elasticidade pulmonar e pode até causar doenças crônicas”, esclareceu a diretora.

Os donos das lavanderias foram procurados para falar sobre o problema, mas nenhum quis se pronunciar. O caso já está sendo analisado pelo Ministério Público de Pernambuco. 


Mais Lidas