FRAUDE

Dona de casa denuncia fraude em empréstimo no interior

Do JC Online do JC Online
Do JC Online
do JC Online
Publicado em 21/12/2010 às 17:19
Leitura:

A dona de casa Josefa Helena diz ter sido vítima de uma fraude quando precisou fazer um espréstimo para a mãe que tem 73 anos. Ela conta que procurou uma mulher conhecida como Cláudia Ferreira corretora do banco BMG.

Segundo Josefa, o empréstimo no valor de $1.700 deveria ser descontado em 36 parcelas de R$ 130 até o mês de janeiro de 2010. Mas, os descontos continuaram mesmo após o período estabelecido no contrato.

\"Fui informada agora que a última parcela será em junho. Mas, está tudo errado e o empréstimo deveria terminar em janeiro\", garantiu a dona de casa.

Desconfiando ter sido vítima de uma fraude, Josefa procurou outro banco de empréstimos e descobriu que sua mãe não poderia fazer nenhum outro contrato, por que já existia cinco empréstimos no nome dela. \"Descobri que minha mãe estava com outros cinco empréstimo que nunca fizemos\", lamentou.

A denúncia foi feita no Procon e o banco garantiu que devolverá o dinheiro que foi descontado, cerca de R$1.500.

Cláudia Ferreira, que hoje não trabalha mais como corretora, se defendeu das acusações. \"Não houve fraudes na negociação\", disse.

No entanto, o coordenador do Procon Caruaru Adenildo Batista garantiu que houve erros. \"O banco reconheceu que houve fraude e por isso se comprometeu em devolver o dinheiro\".


Mais Lidas