RODADA DE NEGÓCIOS

Trabalhadores rurais preparam pauta de reivindicações para janeiro

Do JC Online do JC Online
Do JC Online
do JC Online
Publicado em 27/12/2010 às 14:58
Leitura:

Piso salarial de R$ 610, garantia de emprego à mulher gestante, auxílio creche, redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais e implantação do Programa de Alimentação do Trabalhador. Estes são alguns dos principais itens que devem fazer parte das rodadas de negociações entre trabalhadores rurais e classe patronal em Petrolina, Sertão do Estado, a partir do próximo mês de janeiro. A pauta de reivindicações da 17ª Campanha Salarial da Hortifruticultura Irrigada foi aprovada pelos trabalhadores no último fim de semana.

\"Vamos permanecer mobilizados nas empresas, divulgando a pauta para conscientizar e preparar nossos trabalhadores para as futuras negociações coletivas\", destaca o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Petrolina, José Tenório dos Santos.

\"A Convenção Coletiva de Trabalho 2011/12, resultante das negociações, deve beneficiar todas as pessoas que trabalham direta ou indiretamente com as diversas atividades do setor de hortifruticultura no Vale do São Francisco e garantir, com isso, mais dignidade no campo\", frisa a secretária de Assalariados do sindicato dos Trabalhadores Rurais de Petrolina, Maria Joelma da  Silva.


Mais Lidas