EDUCAÇÃO

Ano letivo começa com vários problema em Betânia

Especial
Especial
Publicado em 01/02/2011 às 15:01
NOTÍCIA
Leitura:

O ano letivo na rede municipal de Betânia, no Sertão de Pernambuco, começou nesta terça-feira (01), com a permanência de um velho problema: A falta de veículos adequados para o transporte dos alunos. O meio de transporte usado pelos estudantes da Zona Rural para o distrito de São Caetano ou para a sede, através de caminhões F-4000 ou caminhonetes D-20.

De acordo com a estudante do terceiro ano do Ensino Médio, Ellen Mikaela, no ano passado ela andava em um caminhão superlotado de estudantes, “O primeiro carro fazia o deslocamento de mais de 80 alunos, vamos ver se esse ano mudam pra um ônibus”, reivindicou a estudante residente no assentamento Riacho do Navio 2.

A merenda escolar da Escola Municipal Manoel de Souza, no Povoado dos Remédios, também é motivo de reclamação de moradores da área rural do município. Segundo a agricultora Damiana Silva, mãe de aluno da escola da localidade, no final do último semestre as crianças estavam comendo frutas estragadas “Jogam a laranja em um saco de todo jeito, menino nem chupa, servem também melão velho e melancia que faz alunos adoecerem”, reclama

Já os professores denunciam não ter recebido os salários de dezembro e um terço das férias. A categoria planeja realizar protestos para exigir da prefeitura melhoria da qualidade da merenda. A prefeita Eugênia de Souza (PR) foi procurada pela reportagem mas não quis se pronunciar.

Mais Lidas