ENCONTRO

Encontro discute melhorias para trabalhadores rurais do Vale do São Francisco

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 08/02/2011 às 15:00
NOTÍCIA
Leitura:

Representantes dos trabalhadores rurais da fruticultura irrigada e da classe patronal no Vale do São Francisco voltaram a se encontrar nesta terça-feira (8), no auditório do SEST/Senat,  durante a continuação das negociações da 17a Campanha Salarial da Hortifruticultura Irrigada, em Petrolina, no Sertão de Pernambuco.

Na pauta de reivindicações constam propostas como a participação dos trabalhadores nos lucros e resultados, auxílio creche e cesta básica, redução da jornada de trabalho de 44 horas para 40 horas semanais, dentre outras. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Petrolina, mais de 50% da pauta já foi acordada entre as partes, desde que as negociações tiveram início, em 25 de janeiro.

“A negociação com a classe patronal está apenas começando. Sabemos que teremos maiores dificuldades para chegar a um consenso nas cláusulas econômicas, mas, estamos entusiasmados com a conscientização e participação dos trabalhadores em plenária. Estamos prontos para negociar e obter ganhos reais”,frisou o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Petrolina, José Tenório dos Santos.

Participam da campanha salarial unificada, representantes dos Sindicatos dos Trabalhadores Rurais dos municípios pernambucanos de Petrolina, Lagoa Grande, Santa Maria da Boa Vista, Cabrobó e Belém do São Francisco. Do lado baiano, participam Juazeiro, Casa Nova, Sento Sé, Curaçá, Abaré e Sobradinho.

Mais Lidas