DENÚNCIA

Homem morre esperando atendimento do Samu. Atendente mente e diz não ter ambulância

Do NE10
Do NE10
Publicado em 12/04/2011 às 16:09
NOTÍCIA
Leitura:

Um homem, ainda não identificado, morreu nesta terça-feira (12), depois de esperar por quase três horas, o atendimento do Samu/Caruaru, no Agreste de Pernambuco.

A vítima, segundo testemunhas, teria começado a passar mal por volta das 5h30, e não resistiu. O corpo ficou estendido na calçada de uma loja de peças em meio à chuva que caiu nessa manhã.

O garçom José Eduardo, viu o andarilho agonizando e ligou para o Samu, através do telefone 192, mas não obteve êxito.

'Liguei para o Samu e disseram que não tinha ambulância para fazer o atendimento', lamentou o garçom, informando que sempre que precisam do serviço, o Samu diz que não tem ambulância disponível e passa a responsabilidade para o Corpo de Bombeiros.

A equipe de reportagem da TV Jornal Caruaru resolveu fazer um teste e exatamente da frente da sede do Samu (onde estava uma ambulância parada, sem qualquer tipo de atendimento), ligou para a unidade 'solicitando um atendimento'. Confira a conversa:

Atendente Samu: Samu Agreste.
Reportagem: Bom dia. Vocês têm alguma viatura para fazer um socorro?
Atendente Samu: Nesse momento estamos sem ambulância, ligue 193 (Corpo de Bombeiros).
Reportagem: A senhora está sem ambulância no Samu?
Atendente Samu: Isso, tem que ligar para o Corpo de Bombeiros, 193.
Reportagem: Eu estou vendo uma ambulância em frente ao Samu.
Atendende Samu: A ambulância está em atendimento. Aqui na base não tem nenhuma.

Mais Lidas