estragos

Após chuvas intensas, Palmares vive dia de limpeza

Do NE10
Do NE10
Publicado em 04/05/2011 às 14:27
NOTÍCIA
Leitura:

Para os moradores de Palmares, na Região da Zona da Mata Sul de Pernambuco, esta quarta-feira (4) o dia é de limpeza. Nas últimas 24 horas, a água baixou e os estragos aparentam ter sido bem menores do que no ano passado.

Em frente aos supermercados, pessoas se amontoam em filas à espera que os comerciantes liberem a comida que estragou com a invasão das águas, e há rastro de lixo e lama por algumas ruas da cidade. Tanto no comércio, quanto nas residências, as pessoas estão retirando a lama e a água que invadiram os imóveis.

É o caso da dona de casa Jeane Ferreira, de 41 anos. Apesar de sua casa ficar há cerca de um metro acima do chão, a residência foi invadida pela água. "A água subiu rápido, foi a mesma agonia do ano passado, perdi muitas coisas. Só não perdi mais porque os vizinhos ajudaram", diz a dona de casa, que ainda conseguiu salvar uma cama de casal, colchão, geladeira e fogão. Os móveis que conseguiu resgatar, estão no primeiro andar da casa do vizinho. "Só vou botar de volta o fogão, que é pra poder comer. Só vai dar pra voltar à vida normal depois que o inverno passar. Por enquanto, a gente fica nessa agonia, sem conseguir dormir", desabafa.

GOVERNADOR - O governador do Estado de Pernambuco, Eduardo Campos, esteve em Palmares na manhã desta quarta-feira (4) para conferir pessoalmente os estragos provocados pelas chuvas dos últimos dias. Antes, sobrevoou por cerca de uma hora os municípios de Vitória de Santo Antão, Moreno e Jaboatão, acompanhando a vistoria nas calhas do Rio Capibaribe e da barragem do Tapacurá. A agenda de Eduardo também previa visitas em Ribeirão e Xexéu, na Mata Sul.

Mais Lidas