prisão

Ação integrada das polícias prende seis acusados de arrombar caixas eletrônicos

Do NE10
Do NE10
Publicado em 25/05/2011 às 11:54
NOTÍCIA
Leitura:

Policiais Federais, Rodoviários Federais e Militares dos estados de Alagoas e de Pernambuco, prenderam nessa terça-feira (24), por volta das 12h, seis pessoas acusadas de arrombar caixas eletrônicos com utilização de maçarico em bancos de vários estados do Nordeste. As investigações apontam que esta quadrilha agia em Pernambuco, Alagoas e possivelmente, Goiás, e, possivelmente iriam executar o arrombamento de terminais eletrônicos nas cidades de Camocim de São Félix, Caruaru ou Agrestina, no Agreste do estado.

Com a quadrilha, foram encontradas armas, munições, celulares, bala-clavas, botijão e cilindro de gás, maçarico, ferramentas, luvas, cordas, pés de cabra, e estrepe para furar pneus. Os instrumentos seriam utilizados para arrombamentos dos terminais eletrônicos. Durante a operação, os suspeitos estariam reunidos numa pousada localizada às margens da BR 232 de onde, segundo a polícia, partiriam para mais uma investida.

Foram presos o serralheiro Hebert de Oliveira Silva, 29 anos, o comerciante João Francisco Filho, 35, os desempregados Raul Carlos da Silva Santos, 22, e Jefferson Cáceres Gomes, 29, o técnico em informártica Carlos Vieira de Melo, 30, e Everton da Mota Leda, considerado o mais perigoso de todos. Este último estava foragido. Ele já foi condenado a 71 anos de prisão e respondia aos crimes de homicídio, seqüestro, assalto a banco e tráfico de drogas, em Goiás.

A operação teve seu desfecho final quando os policiais conseguiram localizar duas viaturas (Siena de placa MVK 0818 e Corsa de placa NMN 9625) que estavam sendo ocupados pelos acusados. Eles foram interceptados na altura da BR 104 no distrito de Terra Vermelha, próximo à cidade de Caruaru.

Mais Lidas