DENÚNCIA

Família denuncia que idoso morreu por falta de oxigênio em hospital

Luiz Carlos Fernandes
Luiz Carlos Fernandes
Publicado em 25/05/2011 às 14:14
NOTÍCIA
Leitura:

A falta de oxigênio no Hospital Regional Emília Câmara, em Afogados da Ingazeira, Sertão de Pernambuco, pode ter causado a morte de Antônio Alves Torres, 94 anos, na noite dessa terça-feira (24).

De acordo com o genro da vítima, Romão Martins, o idoso morreu após esperar mais de uma hora  por oxigênio. "É grave pensar que um insumo básico numa unidade de emergência esteja em falta. Há muito discurso nessa área de saúde e pouca ação na região do Pajeú" denuncia.

Ainda segundo Romão, mesmo quando o chegou oxigênio, o paciente não pôde receber o produto, porque faltou o relógio para o aparelho. O mesmo veio a óbito 20 minutos depois. No atestado de óbito foi assinado informando que pneumonia foi a causa da morte. O corpo será sepultado nesta quarta (25), às 16h, no Distrito de Jabitacá, em Iguaracy.

A direção do Hospital foi procurada, mas disse que só fala sobre o assunto com a permissão da Secretaria Estadual de Saúde.

Mais Lidas