APREENSÃO

Comerciante é preso em Cupira com mais de 500 caixas de cigarros contrabandeados

Do NE10
Do NE10
Publicado em 26/07/2011 às 8:00
NOTÍCIA
Leitura:

ATUALIZADA ÀS 15H

Um comerciante foi preso acusado de vender cigarros contrabandeados na cidade de Cupira, no Agreste de Pernambuco. A prisão aconteceu por volta das 17h dessa segunda-feira (25) no Loteamento Glória.

Segundo a polícia, o acusado José Nerivaldo Paciência, 29 anos, foi encontrado dentro de um galpão onde estavam 575 caixas de cigarros contrabandeados. No local, também foram apreendidos 92 cheques (R$ 165 mil), um revólver calibre 38, dois celulares e  R$4.000,20 em espécie.

A prisão ocorreu em virtude de informações anônimas recebidas pela equipe de policiais militares lotados no 4º Batalhão de Caruaru/PE dando conta de que havia um galpão que armazenava várias caixas de cigarros contrabandeados e que era responsável pela sua distribuição para diversos locais daquela região e que ficava localizado nas imediações do loteamento Moacir Soares por trás do Hospital de Cupira.

Ainda de acordo com a polícia, Nerivaldo já vinha trabalhando há quase dois anos na comercialização de quatro a cinco marcas de cigarros diferentes. Durante a abordagem houve uma tentativa de suborno aos policiais, registrada através do celular, onde Nerivaldo ofereceu de 20 a 100 mil reais para sua liberação e da mercadoria.

Ele foi autuado por contrabando, corrupção ativa e, caso seja condenado poderá pegar penas que variam de 1 a 16 anos de reclusão.

O comerciante será levado para a Penitenciária Juiz Plácido de Souza em Caruaru, também no Agreste do Estado.

Mais Lidas