JULGAMENTO

Acusada de mandar matar o próprio pai em Caruaru vai a julgamento

Do NE10
Do NE10
Publicado em 25/08/2011 às 11:45
NOTÍCIA
Leitura:

Começou na manhã desta quinta-feira (25)  no Fórum Tomas de Aquino no Recife, o julgamento de Severina Maria da Silva, 44 anos. Ele é acusada de ser mandante do assassinato do próprio pai, por quem era abusada sexualmente desde criança.

O crime aconteceu em novembro de 2005 na Vila do Rafael, na zona rural de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Severina está sendo julgada por homicídio duplamente qualificado, motivo torpe e recursos que dificultaram a defesa da vítima.

A dona de casa foi vítima de abusos sexuais praticados pelo pai desde os nove anos. Com ele teve 12 filhos, sobrevivendo apenas cinco. Quando percebeu que ele iria fazer o mesmo com uma de sus filhas, Severina contratou dois rapazes para realizarem a execução, pelo valor de R$ 800. Severino Pedro de Andrade foi morto a golpes de faca dentro de casa.

Os dois executores, Edilson Francisco de Amorim e Denisar dos Santos, já foram julgados e condenados e cumprem pena em Caruaru. O julgamento de Severina está sendo realizado no Recife porque o Ministério Público levantou dúvidas acerca da imparcialidade do Conselho de Sentença.

Mais Lidas