SERVIÇO

Petrolina oferece serviço de apoio à crianças e adolescentes envolvidas com álcool e drogas

Do NE10
Do NE10
Publicado em 13/09/2011 às 16:12
NOTÍCIA
Leitura:

Crianças e adolescentes com idades entre cinco e 17 anos que têm transtornos mentais ou envolvimento com drogas e álcool poderão contar com um serviço de apoio implantado esta semana em Petrolina, no sertão do Estado.

Trata-se do Centro de Atenção Psicossocial Infantil (CAPSi), que funciona no bairro de Areia Branca. Cerca de dez profissionais entre psiquiatra, técnico de enfermagem, enfermeiro, pedagogo, assistente social, psicólogo, entre outros, ficarão responsáveis pela condução das atividades. O atendimento acontece de segunda a sexta, das 8h às 17h. Os jovens poderão participar de terapias individuais ou coletivas.

''É um momento muito especial para o município de Petrolina, porque é um novo serviço destinado a crianças e adolescentes com transtornos mentais. Além disso, infelizmente, estamos vivendo nacionalmente um momento muito forte na questão das drogas na juventude e os atendimentos objetivam a busca desses tratamentos'', frisa a coordenadora de Atenção Especializada da secretaria de Saúde de Petrolina, Juliana Granja.

A equipe do núcleo também está habilitada a fazer atendimentos domiciliares, trabalhar o paciente junto à comunidade através de atividades de inserção social, além de desenvolver iniciativas junto a outros órgãos como secretarias municipais e a Justiça. Antes de ser direcionado para o atendimento no CAPSi, a criança/adolescente passa por uma triagem.

''A unidade disponibiliza três tipos de atendimento: o intensivo, quando o jovem passará o dia todo na unidade; o não-intensivo que é voltado para jovens que frequentarão a cada 15 dias e o semi-intensivo para aqueles que permanecerão por um período de quatro horas na unidade de apoio'', ressalta a coordenadora do CAPSi, Poliana Moreira.

Mais Lidas