Crime brutal

Suspeito da chacina de Lajedo continua desaparecido; enterro da família será à tarde

Do NE10
Do NE10
Publicado em 19/10/2011 às 10:00
NOTÍCIA
Leitura:

O suspeito da Chacina de Lajedo, que chocou toda a população pernambucana pela barbaridade, Luiz Lopes da Silva Neto, de 41 anos, continua foragido da polícia desde a madrugada dessa terça-feira (18). 

"Estamos procurando-o em todo o Estado. Ele ainda pode ser preso em flagrante se as buscas não pararem", disse o delegado Altemar Mamede, da Delegacia de Lajedo.

De acordo com o delegado, existem algumas pistas do paradeiro de Luiz, mas que ainda não podem ser reveladas para não interferir nas investigações.

Estão previstos para a tarde desta quarta-feira (19) os enterros de Rosilene Ermínia da Silva, 32 anos, Fernanda Lopes da Silva, 8, Nayane Keliane Ferreira, 3, e João Vitor Ferreira da Silva, 1 ano e 6 meses. Os enterros serão entre as 15h e 16h, no Cemitério Santo Inácio, em Lajedo.

ENTENDA O CASO - O acusado, conhecido como Luizinho, matou a ex-mulher, a filha e duas crianças. A motivação do crime seria, de acordo com a família da vítima, a recusa da dona de casa Rozilene em reatar o relacionamento.

Luiz estava em liberdade condicional desde julho do ano passado, depois de cumprir parte da pena de 10 anos e oito meses, à qual foi condenado por ter tentado matar a ex-companheira em julho de 1998. Ele foi preso em 2006 e estava em regime semiaberto desde fevereiro de 2009.

Mais Lidas