GOLPE

Polícia prende estelionatárias em Arcoverde. Golpes eram comandados dentro do presídio

Do NE10
Do NE10
Publicado em 28/11/2011 às 11:32
Leitura:

Duas estelionatárias acabaram presas no município de Arcoverde, no Sertão de Pernambuco. Marcela Taciana de Oliveira, 24 anos, e Maria da Conceição Bernardo Alves, 34, foram flagradas numa agência bancária por policiais civis da Delegacia local quando tentavam sacar e transferir o dinheiro depositado por pessoas vítimas de um golpe conhecido como falso sorteio.

Nessa modalidade criminosa, os suspeitos telefonam ou encaminham mensagens com informações falsas de sorteios de prêmios como casas e carros. As pessoas eram ludibriadas a depositar certa quantia na conta dos estelionatários para receber a premiação.

Os investigadores há quatro meses faziam um trabalho de monitoramento desses casos na cidade - havia uma grande incidência de pessoas se queixando terem sido vítimas. Nas apurações, ficou comprovado que o grande mentor da quadrilha seria o próprio marido de Marcela Taciana, Francisco Sanclei Araújo Melo. Ele efetuava as ligações e encaminhava as mensagens de uma Unidade Prisional da cidade de Fortaleza, no Ceará, onde cumpre pena por homicídio.

Os policiais civis descobriram que Francisco Sanclei pedia as vítimas que depositassem o valor para o recebimento do falso prêmio na conta bancária da esposa, cuja agência é situada em Arcoverde. Com as informações, os agentes conseguiram prender as duas acusadas em flagrante. Elas vão responder pelos crimes de formação de quadrilha e estelionato. Maria da Conceição e Marcela seguiram para a Colônia Penal Feminina de Buíque. Mesmo estando preso, Francisco Sanclei também será indiciado pelos crimes ao final das investigações.


Mais Lidas