Polícia

Preso homem que cometeu 7 homicídios e estava foragido

Do NE10
Do NE10
Publicado em 17/01/2012 às 10:51
NOTÍCIA
Leitura:

"Para não morrer, tive que matar", foi o que informou ao delegado Marcos Alberto um homem autor de 7 homicídios que estava foragido desde 2009. Fábio dos Santos Freitas, conhecido como Magrão, de 31 anos, foi capturado no final da tarde dessa segunda-feira (16), em Carpina, município da Zona da Mata Norte pernambucana, em operação conjunta das polícias militar e civil.

O criminoso, considerado de alto grau de periculosidade, morava no município desde a sua fuga da Penitenciária Agroindustrial São João em Itamaracá (PAIS), antiga PAI, quando cumpria sua pena no regime semi-aberto. Em Carpina, trabalhava como ajudante de pedreiro, o que fazia quando foi preso.

Antes disso, Fábio havia passado por diversos presídios devido ao seu mau comportamento. Inicialmente, foi detido no Presídio de Arcoverde, sendo transferido para o Centro de Observação e Triagem Prof. Everardo Luna (Cotel), e passando pelo Presídio de Limoeiro e pelo Aníbal Bruno.

Além deles, esteve recluso na Penitenciária Barreto Campelo, onde assassinou seis pessoas numa rebelião em 2007. No entanto, foi em 1999 que Fábio cometeu seu primeiro homicídio. Ele matou Frederico Amaral de Oliveira em Arcoverde, onde morava. Por esse crime, foi condenado a 26 anos de prisão, dos quais ainda deve cumprir 13.

Mais Lidas