MEIO AMBIENTE

Agricultores são detidos no momento em que caçavam tatus em Lagoa Grande

Do NE10
Do NE10
Publicado em 08/02/2012 às 10:18
NOTÍCIA
Leitura:

Dois homens foram detidos na manhã dessa terça-feira (7) na zona rural de Lagoa Grande, no Sertão de Pernambuco acusados de estarem caçando tatus, que se configura um crime ambiental.

Segundo a polícia, os agricultores Erinaldo Marques Damasceno, 33 anos e João Batista da Silva, estavam caçando os animais capturados no assentamento Catalunha II no distrito de Lagoa Grande. Com eles foram encontradas duas espingardas, uma delas tipo soca e outra calibre 32, além de pólvora, chumbo e espoleta. Além disso, com os agricultores estavam quatro tatus vivos.

 Os dois homens foram levados para a delegacia de Santa Maria da Boa Vista, também no Sertão do Estado. Lá, eles pagaram fiança e foram liberados. Já os tatus, foram devolvidos à natureza.

Mais Lidas