HOMICÍDIO

Delegado conclui inquérito sobre morte de ator caruaruense

Do NE10
Do NE10
Publicado em 02/04/2012 às 10:13
NOTÍCIA
Leitura:

O Delegado Bruno Vital, titular da 88ª Circunscrição Policial (1ª Delegacia de Caruaru) envia nesta segunda-feira (2), ao Poder Judiciário, devidamente concluído e relatado, o inquérito policial sobre a morte do estudante universitário e ator Erton Cleiton Cabral dos Santos.

Para a Polícia Civil o crime já está explicado com o indiciamento de Carlos Henrique Dantas, de 24 anos. O acusado está sendo procurado diuturnamente pela Polícia Civil em parceria com o Disque-Denúncia que lançou campanha para localizar Carlos Henrique Dantas com recompensa de R$ 3 mil.

O ator foi brutalmente assassinado com 15 facadas (sete na região da cabeça e oito nas costas). O crime aconteceu dentro da casa da vítima, na Rua São Julião, Centro da cidade, e o principal suspeito é o ex-presidiário Carlos Henrique Carvalho Dantas, de idade não divulgada, que foi visto por vizinhos, saindo da casa do ator com marcas de sangue na roupa.

Até o momento, o Disque-Denúncia recebeu quatro ligações anônimas com informações sobre o caso. Uma delas,  ajudou a polícia a localizar o notebook da vítima, que foi levado pelo assassino após o crime.

Mais Lidas