Seca

Comitê de Combate à Estiagem discute medidas com prefeitos de 17 municípios

Do NE10
Do NE10
Publicado em 06/05/2012 às 19:30
NOTÍCIA
Leitura:

O Comitê Integrado de Combate à Estiagem promoveu nesse sábado (5) um encontro com representantes de 17 municípios localizados no Sertão do Pajéu, na unidade do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) em Afogados da Ingazeira. No encontro, as principais ações do Governo para enfrentar a estiagem no Estado foram debatidas.

Na reunião, além dos representantes das cidades afetadas, estiveram presentes, o secretário de Agricultura e Reforma Agrária e presidente do Comitê, Ranilson Ramos; o gerente do Prorural, Gonzaga Patriota; o secretário executivo de Agricultura Familiar, Aldo Santos, e outras autoridades.

De acordo com Ranilson Ramos, serão investidos R$ 514 milhões em obras estruturadoras. Entre as ações, perfuração e instalação de 1,4 mil poços, implantação de 1,1 mil sistemas de abastecimentos d'água simplificados, construção de 440 barragens, 15 mil cisternas e ampliação no número de carros pipa (de 590 para 800).

Após a conversa com os representantes dos municípios, Ramos afirmou que levará as solicitações para serem referendadas em uma próxima reunião do Comitê. Um dos pedidos foi a agilização no início de obras de adutoras, como a de São José do Egito e a de Santa Terezinha.

O secretário também afirmou garantir recursos para um convênio entre a secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, Cimpajéu e o IFPE, que prestará serviços na manutenção de desalinizadores e outros equipamentos. A Compesa também anunciou a compra de 200 novos desalinizadores.

Também foi discutido no encontro a Bolsa Estiagem. O secretário executivo de Agricultura Familiar, Aldo Santos, explicou o valor do apoio (R$ 400) aos agriculturos não inscritos no Programa Garantia-Safra, além da linha emergencial de crédito para criadores, administrada pelo Banco do Nordeste. Segundo o secretário, os pequenos produtores terão acesso a R$ 12 mil com juros de 1% ao ano. Já os médios produtores, poderão adquirir até R$ 100 mil, com juros de 3,5% ao ano.

Aldo Santos também anunciou a previsão de antecipação do pagamento da primeira parcela do Garantia Safra. O benefício de R$ 136 deve ser entregue em junho.

SECA - Ranilson Ramos também visitou no sábado (4) áreas castigadas pela seca. O secretário de Agricultura e Reforma Agrária conheceu cinco propriedades rurais no município de Sanharó, avaliando as principais melhorias no abastecimento.

De acordo com Ramos, Sanharó possui um projeto no serviço de abastecimento de água que atende a 60% das famílias. O secretário firmou convênio com a prefeitura do município para liberar recursos para obras de abastecimento. Deve ser construído na cidade um reservatório com capacidade para acumular 500 mil litros, beneficiando assim 40% das comunidades e atendendo mais 100 famílias. A obra deve ser concluída em até três meses.

No final da tarde, Ranilson Ramos se reuniou com famílias que ocupam 95 hectares de terras pertencentes ao IPA (Instituto Agronômico de Pernambuco), em Arcoverde, no Sertão Pernambucano. O secretário liberou 74 hectares para a comunidade e já acionou o IPA para cuidar dos procedimentos legais da doação das terras.

Outra área também ocupada na Estação Experimental do IPA em Sertânia, por 13 famílias. Ramos anunciou a implantação de um sistema de irrigação comunitária. Nos próximos 90 dias, as obras devem ser iniciadas. O IPA também dará início ao processo de doação desta área.

Mais Lidas