VIOLÊNCIA

Polícia interroga jovem de 17 anos suspeito de matar sobrinha de 11 anos em Caruaru

Do NE10
Do NE10
Publicado em 07/05/2012 às 17:36
NOTÍCIA
Leitura:

 

Presta depoimento na tarde desta segunda-feira (7) na 3º delegacia de Caruaru, Agreste de Pernambuco, um adolescente de 17 anos suspeito de ter envenenado a própria sobrinha de 11 anos na noite da última sexta-feira (04).

 

Segundo a polícia, a vítima Ariana Roberta da Silva, morreu na madrugada desse sábado (05) depois de ter dado entrada na UPA do bairro Vassoural, passando mal com sintomas de envenenamento. Ainda de acordo com a polícia, a garota foi levada por três tios, entre eles o adolescente de 17 anos. A pediatra que examinou Ariana achou a atitude dos tios muito suspeita e resolveu acionar a polícia. A menina morreu enquanto os tios e a mãe dela estavam na delegacia prestando depoimento sobre o caso. Todos foram liberados logo após saberem da morte da menina. O corpo de Ariana foi levado para o IML da cidade. 

A polícia no entanto continuou investigando o caso e na tarde desta segunda-feira um dos tios dela acabou confessando que havia espancando a garota e forçado ela a tomar chumbinho diante de outras crianças menores. A polícia não informou ainda o que acontecerá com jovem, só após o depoimento será divulgado para o rapaz será encaminhado.

 

Mais Lidas