EDUCAÇÃO

Depois de anos de espera curso de medicina deve instalado em Caruaru

Do NE10
Do NE10
Publicado em 15/05/2012 às 17:00
NOTÍCIA
Leitura:

Depois de seis anos de espera, finalmente o curso de Medicina deve ser instalado no Campus Agreste da Universidade Federal de Pernambuco. A confirmação foi dada pelo Secretário de Desenvolvimento Econômico do município de Caruaru, Franco Vasconcelos, e pelo vice-reitor Sílvio Romero.

 A previsão é que ainda neste ano sejam abertas inscrições para o processo seletivo de professores e alunos. Confira mais detalhes abaixo, na entrevista. 

 NE10Interior- Franco, a respeito da Faculdade de Medicina de Caruaru, o que já se tem de concreto? O que se pode dizer a respeito desse curso?

Franco Vasconcelos - Na realidade, o vestibular da faculdade de Medicina já vai ocorrer no final do ano. A Universidade Federal negociou com o Polo Caruaru a locação de uma área de 2.600 metros que, inicialmente, já tinham sido preparadas. No começo de junho as obras de adequação provisória para o funcionamento do curso de medicina serão iniciadas no Polo Comercial e, futuramente, na área que está sendo providenciada junto do Campus.

NE10Interior- Já há uma expectativa de tempo para que vá para esse local definitivo?

FV – Nós acreditamos que até o final desse primeiro semestre já esteja concretizada a negociação da área de desapropriação pelo Governo do Estado. Em seguida há a elaboração de projeto e início das obras. Na  realidade, a gente não tem ainda uma data precisa do funcionamento junto à UFPE, mas uma coisa é certa: o curso começa no próximo ano nesse espaço do Polo Caruaru e acreditamos que a obra das instalações definitivas deve ser executada num curto espaço de tempo.

 O vice-reitor da UFPE, Sílvio Romero, detalhou como acontecerá a instalação do curso, mas alertou que pode haver atrasos.

 NE10Interior- Esse curso deve mesmo vir para Caruaru?

Sílvio Romero - O curso deve vir para Caruaru porque essa uma intenção do Governo Federal, através da presidenta Dilma, através do secretário de Ensino Superior, Professor Amaro Lins e do Ministro da Educação, Senador Aluísio Mercadante. Foram criadas várias vagas no sentido da interiorização da Medicina no Brasil, no sentido de conseguir fixar o profissional das áreas mais distantes das grandes capitais e dar uma oportunidade àqueles que têm uma dificuldade de se deslocarem para os grandes centros de iniciarem o curso de Medicina perto das suas residências.

 NE10Interior - Mas já está garantido? No próximo ano Caruaru terá esse curso?

SR - O projeto político-pedagógico do curso de Medicina em Caruaru foi entregue na Secretaria de Ensino Superior do Ministério da Educação e Cultura na última quinta-feira (10) pelo reitor Anísio Brasileiro ao Secretário Amaro Lins. Passará por estâncias administrativas, sendo aprovado, logo, até o final do ano, serão abertas as inscrições para um concurso de professores para prover um curso das disciplinas e as abertura das vagas para vestibular.

 NE10Interior - Os estudantes daqui já podem ter a certeza que eles terão esse curso no próximo ano?

SR - Não, eles podem ter a certeza que se algo acontecer que impeça a abertura do vestibular até o final do ano, isso será retardado apenas por algum motivo de ordem administrativa, mas a intenção do reitor Anísio Brasileiro e do secretário Amaro Lins é de que o vestibular seja realizado ainda este ano para que o curso tenha início no mês de março de 2012.

NE10Interior – Em relação ao terreno, parece que vai funcionar de ordem provisória, ainda não há um terreno específico para esta finalidade?

SR - É, inicialmente serão utilizadas as instalações do Polo Caruaru, com algumas salas de aula que já foram adaptadas no início dos cursos do Centro Acadêmico do Agreste que farão todo início da parte básica do curso de medicina. Concomitantemente, as obras no Campus para a instalação definitiva da área do curso de medicina será objeto de licitação, de projeto arquitetônico, d e projeto político e só depois é que serão também iniciadas.

Mais Lidas