POLÍTICA

João Lyra Neto e Zé Queiroz trocam farpas, ao vivo, na Rádio Jornal

Do NE10
Do NE10
Publicado em 15/05/2012 às 11:30
NOTÍCIA
Leitura:

A manhã desta terça-feira (15) foi marcada por uma troca de farpas entre o vice-governador João Lyra Neto e o prefeito de Caruaru José Queiroz. No programa, apresentado pelo radialista Geraldo Freire.

“Ele (Zé Queiroz) não conseguiu corresponder a expectativa pela qual ele foi eleito. Caruaru precisa de uma gestão eficiente’, disse o vice-governador. Na outra linha, o prefeito de Caruaru José Queiroz disparou: “Primeiro que eu não sei o que é que se passa na cabeça de João. Coração eu sei que ele concertou, eu não sei o que é que se passa com a cabeça”.

» Fala do vice-governador João Lyra Neto
Ele não conseguiu corresponder a expectativa pela qual ele foi eleito com uma esperança muito grande de melhorar ainda o seu desempenho. Ele passou três anos sem dialogar com os partidos e isso traz uma dificuldade agora na formação da coligação. Faz muito tempo que não converso com ele, faz mais de dois anos. Tentei e eu não consegui conversar com ele. E isso dificulta o diálogo. Um desempenho que não correspondeu a expectativa que ele foi eleito por 65% dos votos e a falta de diálogo político, isso fez com que as pesquisas ao longo dos últimos 24 meses demonstravam que o desempenho estava aquém de uma pessoa que quer defender a sua reeleição. E quando uma pessoa vai disputar uma reeleição ele vai defender o seu mandato e propor ampliação. Quando a pessoa tem aprovação baixa isso dificulta a conversão disso em votos. Nós estamos muito preocupados porque Caruaru é uma cidade estratégica, é a principal cidade do interior do estado e precisa de uma gestão eficiente. Nós estamos trabalhando para unificar a frente popular e buscarmos alternativas. Pra semana eu tenho uma conversa com o governador Eduardo Campos e com as lideranças estaduais dos partidos para ver se nós possamos conseguir uma alternativa para que Caruaru fique nas mãos da frente Popular. Porque eu não vejo possibilidade de reverter um quadro que está se consolidando ao longo dos 24 meses, de uma rejeição e  de uma não aprovação da gestão. E vamos ver qual a saída que nós temos”.

» Fala do prefeito de Caruaru José Queiroz
Primeiro que eu não sei o que é que se passa na cabeça de João. Coração eu sei que ele concertou, eu não sei o que é que se passa com a cabeça. Você leva em consideração a pesquisa que saiu agora, eu tenho 53% de aprovação. Pois bem, com 53% de aprovação eu preciso apenas completar o diálogo com mais algumas figuras, já fiz com o PCdoB; o governador de Pernambuco já disse que em Caruaru o candidato é José Queiroz. Eu fico esperando a hora do diálogo com João. Agora com 53% nesta, porque na pesquisa do estado eu tenho 62%, então eu reúno as condições de disputar. Agora evidentemente que vou fazer um amplo debate com a sociedade, como estou fazendo. A pesquisa do estado diz que 91% da população estão muito satisfeitos em morar em Caruaru. Então, os fatos são outros. Mas mesmo assim, eu ainda falo em duas pesquisas: uma com 62% de aprovação e outra com 53% de aprovação. Agora em maio abri conversa com os partidos, já tem 14 legendas em apoiando e fiquei esperando a oportunidade de ter uma conversa com ele. Não é que eu não queria conversar, nem com ele nem com ninguém, eu converso com todo mundo; dialogo com todo mundo. A verdade é essa. Eu tenho conversado com os partidos políticos e por isso mesmo já tenho 14 legendas do meu lado e outras, faltando duas que já conversei e espero A definição. Mas na hora certa vou conversar com ele. Eu continuo considerando João um aliado. E eu preciso lembrar que ele é parte integrante de um governo que tem o comando político do estado: o governo de Eduardo Campos, esse grande amigo de Caruaru. Se João está ligado a Eduardo e tem compromisso com o governador evidentemente que esse compromisso tem que se irradiar em Caruaru. Então não vou considerar nunca ele como adversário e vou entender que isso é um grande equívoco que está acontecendo com ele”.

Mais Lidas