REBELIÃO

Segunda-feira é marcada por rebelião na Funase em Caruaru

Do NE10
Do NE10
Publicado em 04/06/2012 às 15:30
NOTÍCIA
Leitura:

Na porta da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, confusão entre os pais dos menores e os agentes penitenciários, durante um princípio de rebelião na tarde desta segunda-feira (4). Algumas mães ficaram preocupadas ao saber da notícia da rebelião.

De acordo com informações de policiais que contiveram a rebelião, tudo começou por volta das onze da manhã, quando cerca de 60 menores tomavam banho de sol. No tumulto, quatro agentes foram feitos reféns, dois deles foram feridos, um teve a perna quebrada e ou outro levou uma pedrada na cabeça.

Para conter o início de rebelião policiais do Grupo de Ações Táticas Itinerante (Gati) e da patrulha rural da Polícia Militar foram acionados. Os agentes feridos foram levados para o Hospital Regional do Agreste (HRA) pelo Samu.

Com o tumulto, os menores fizeram dois buracos na parede da unidade. Um agente penitenciário que prefere não se identificar contou para a equipe do NE10, que rebeliões como essa acontecem com frequência no lugar, já que o efetivo de profissionais é pouco para tomar conta de quase cerca de 180 menores. “As guaritas ficam vazias sem policiais militares para fazerem a guarda. Por isso, a segurança fica fragilizada”, disse.

Mais Lidas