SECA

Para combater a seca, Riacho das Almas ganha 10 novos poços artesianos

Do NE10
Do NE10
Publicado em 22/02/2013 às 13:00
NOTÍCIA
Leitura:

O município de Riacho das Almas, no Agreste de Pernambuco, ganhou um grande aliado no combate a seca que atinge a região. Estão sendo perfurados dez poços artesianos. Segundo a prefeitura da cidade, já foram perfurados seis dos dez poços. A previsão é que o término dos trabalhos seja no próximo sábado (23).

De acordo com o secretário de agricultura do município Naelson Bezerra, a vazão média de água para cada poço é de 7.450 litros de água por hora, o que dá para encher quase um caminhão-pipa neste período de tempo. A água será distribuída gratuitamente aos moradores das áreas beneficiadas. “Quando concluirmos os trabalhos de perfuração dos poços, vamos acionar a Secretaria de Recursos Hídricos para fazer estudos da água retirada dos mananciais, e a partir daí realizar a compra e instalação dos dessalinizadores”, ressaltou de Agricultura do município Naelson Bezerra.

Os poços perfurados até agora estão localizados nos sítios Dois Riachos, Trapiá, Pau Ferro, Vila Nova, Rendeiro e Gavião. Os outros quatro poços a serem perfurados serão nos sítios Camurim, Xique-Xique e mais um no sítio Gavião. Atualmente, no município de Riacho das Almas existem 12 dessalinizadores em funcionamento. A perfuração de cada poço artesiano custa, em média, R$ 15 mil e está sendo financiada através de uma parceria entre a  Secretaria de Recursos Hídricos do Governo do Estado de Pernambuco e o Ipa – Instituto Agronômico de Pernambuco e Prefeitura de Riacho das Almas.

Mais Lidas