projeto de irrigação

Criadores de gado recebem milho forrageiro para alimentação animal no Sertão

Do NE10
Do NE10
Publicado em 15/03/2013 às 21:37
NOTÍCIA
Leitura:

Criadores de gado dos municípios de Cabrobó, Bodocó, Terra Nova e Serrita foram beneficiados, nesta sexta-feira (15), com a distribuição do milho forrageiro produzido no projeto de irrigação de Bebedouro, em Petrolina, por meio de cinco caminhões. Nessa primeira etapa serão colhidas 4,5 mil toneladas, que irão atender pecuaristas dos sertões do Araripe e do São Francisco. 

A implantação dos 140 hectares irrigados recebeu investimentos de R$ 500 mil. “A ideia é fornecer a parte aérea do milho como volumoso, atendendo as necessidades nutricionais do gado. A produção desse milho irrigado possibilitará uma boa remuneração aos pequenos produtores do projeto bebedouro que terão na atividade uma nova fonte de renda”, destacou Ranilson Ramos complementando, ainda, que apenas o Araripe responde por uma produção diária de 250 mil litros de leite.

O secretário disse, também, que o milho forrageiro do Projeto Bebedouro vai encurtar distâncias, uma vez que substitui o fornecimento de cana-de-açúcar para a alimentação animal, reduzindo o percurso, antes de 600 quilômetros entre a área de colheita na Mata Sul até o Sertão para 150 quilômetros, em média, entre Petrolina e os municípios do Araripe.

Estiveram presentes na ação, em Cabrobó, o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Ranilson Ramos, o presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco, Júlio Zoé de Brito e o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento do IPA, Antônio Santana.

Mais Lidas