políticas públicas

Secretaria da Mulher reúne gestoras da Zona da Mata em Boa Viagem

Do NE10
Do NE10
Publicado em 22/05/2013 às 22:14
NOTÍCIA
Leitura:

Cerca de 33 gestoras de órgãos municipais de políticas públicas para mulheres se reuniram nesta quarta-feira (22), no Hotel Jangadeiro, em Boa Viagem, em um encontro promovido pela Secretaria Estadual da Mulher. Elas participaram do I Fórum Estadual de Organismos para as mulheres da Zona da Mata de Pernambuco - um dos quatro territórios estratégicos para investimentos do Estado. O tema evidenciado no encontro foi a implementação de ações de trabalho e renda, além das iniciativas do governo estadual referentes ao combate da violência contra as mulheres.

A secretária Cristina Buarque participou do evento e explicou que as políticas públicas estão sendo implementadas de forma territorial. Segundo ela, Pernambuco foi dividido em quatro territórios, entre eles a Zona da Mata. Ela também comentou que considera quatro questões fundamentais para a sustentabilidade das ações na área de emprego e renda, as quais as gestoras devem ter uma atenção especial: habitação, creche, educação e comunicação.

O Fórum das gestoras ocorreu pela primeira vez, objetivando, além da troca de informações, realizar a integração das gestoras da área, evidenciando o emprego e renda no diálogo entre elas. O tema escolhido pretende gerar alternativas para dar visibilidade às novas atividades econômicas adotadas pelas mulheres, a partir da série de capacitações e formação profissional, que estão sendo promovidas através da Secretaria da Mulher e de outras entidades governamentais, a exemplo dos Projetos Chapéu de Palha Mulher e Convergir Mulher.

A Gerente de Programas e Ações temáticas, Alessandra Rios, apresentou às gestoras da Zona da Mata as metas e ações em andamento, entre eles: o projeto Feneart,  que está selecionando grupos de artesãs para participar da feira; o artesãs empreendedoras, com a formação em políticas públicas, melhoria do produto e gestão da produção de artesãs dos municípios de Buíque, Atinho e Orobó, no Agreste e mais Serra Talhada, Salgueiro e Petrolância, no Sertão; fortalecimento das associações de catadoras de materiais recicláveis; apoio à inclusão digital de mulheres (formação de 300 mulheres nos cursos de inclusão digital da Secretaria do Trabalho e Qualificação Profissional), projeto de renovação profissional para segmentos específicos da população feminina ( com a formação para  mulheres privadas de liberdade e egressas do sistema prisional, além de mulheres idosas para fazer cursos de Guest Relation e Hosters), entre outros. 
 
A coordenadora da mulher de Catende, Tânia Rodrigues, disse estar muito feliz com a oportunidade de estar caminhando junto com as demais gestoras  da Zona da Mata e pelas ofertas e oportunidades apresentadas pelo Estado, “com esse apoio temos condições de tornar as mulheres muito mais produtivas e aptas a concorrer no mercado de trabalho, fortalecendo o processo da busca por uma sociedade mais igualitária entre homens e mulheres”, concluiu a gestora municipal.

Mais Lidas