Roubo

Dois assaltantes dos Correios em Carpina são presos após perseguição policial

Do NE10
Do NE10
Publicado em 29/05/2013 às 10:24
NOTÍCIA
Leitura:

Dois dos quatro bandidos que assaltaram uma agência dos Correios nessa terça-feira (28), no município de Carpina, na Zona da Mata do Estado, foram presos logo após o assalto. Policiais Militares do 2º Batalhão de Polícia Militar prenderam Ricardo Grama da Silva, de 37 anos, e André Valdemar Barbosa da Silva, de 25 anos, depois de uma perseguição nas margens da BR-408. Os dois têm diversas passagens por presídios.

Segundo informações repassadas pelo Ciods (Centro Integrado de Operações de Defesa Social), a agência dos Correios foi invadida por quatro homens armados, que renderam o vigilante e tomaram sua arma. Os bandidos roubaram o dinheiro do caixa de atendimento ao cliente da agência. Logo após a ação, fugiram em um Ford Fiesta prata, roubado de uma mulher antes do assalto, nas proximidades da Arena da Copa.

Na fuga, o veículo dos suspeitos cruzou com uma viatura da PM próxima à Academia da Polícia Militar, em Paudalho. As equipes já haviam sido acionadas e seguiram em uma perseguição na rodovia. Os bandidos, no entanto, tentaram fazer uma ultrapassagem arriscada e colidiram frontalmente com uma Jac Motors.

No acidente, Ricardo Grama e André Valdemar ficaram feridos e foram levados para o Hospital da Restauração (HR), na área central do Recife. Ricardo sofreu uma fratura exposta e André uma forte lesão no olho. Os dois estão sob custódia da Polícia Militar. Outros civis sofreram ferimentos e foram levados para hospitais do Recife no helicóptero do Corpo de Bombeiros.

Os Policiais Militares envolvidos na ação, funcionários dos Correios e vítima do carro roubado prestaram depoimentos na sede da PF, no Cais do Apolo. Os outros dois assaltantes ainda tentaram fazer de refém o condutor de um Fiat Uno que havia parado no local para ver o que estava acontecendo. Quando as equipes da PM se aproximaram, os bandidos fugiram para um matagal. A polícia ainda realizou diversas buscas, mas não conseguiu encontrar os suspeitos.

Quando Ricardo Grama - preso dez vezes por tráfico de drogas e diversos assaltos com emprego de arma de fogo em Recife, Caruaru e João Pessoa (PB) e foragido da cadeia - e André Valdemar - preso duas vezes por porte de arma de fogo no Recife, São Lourenço da Mata e Jaboatão dos Guararapes, e também foragido da cadeia - receberam alta, serão autuados por roubo com emprego de arma de fogo, formação de quadrilha e porte ilegal de arma de uso permitido.

Se condenados, poderão pegar penas que, somadas, podem chegar aos 17 anos de reclusão. Os dois serão encaminhados para o Cotel (Centro de Triagem e Observação Professor Everardo Luna), em Abreu e Lima, onde ficarão a disposição da Justiça Federal. A polícia tenta identificar e prender os dois bandidos que conseguiram fugir.

Já os carros que sofreram colisão durante a fuga dos assaltantes passaram por perícia de trânsito realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os pertences da mulher que teve o Ford Fiesta roubado foram recuperados e entregues à dona do veículo.

Mais Lidas