SERTÃO

Suspeitos de estelionato e formação de quadrilha são presos em Arcoverde

Do NE10
Do NE10
Publicado em 19/09/2013 às 10:47 | Atualizado em 31/12/1969 às 21:00
Leitura:

Quatro pessoas foram presas suspeitas de integrar quadrilha e praticar crimes de estelionato em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco. A prisão aconteceu dentro de uma agência bancária na tarde dessa quarta-feira (18), na rua Alcides Cursino Siqueira, no centro da cidade.

De acordo com a polícia, João Bosco de Oliveira Lopes, 25 anos, empresário no Distrito Federal, é acusado de ser o chefe de um grupo que abria empresas em nome de terceiros e em seguida as fechava por meio de decreto de falência. O suspeito aplicava golpes financeiros em instituições bancárias usando o cadastro das firmas fantasmas. Na companhia dele, a polícia também prendeu Petronilho Novaes de Oliveira, 63 anos, também de Brasília, além de José Rodrigues de Lima, 51 anos, e outro homem ainda não identificado, ambos de Garanhuns, no Agreste.

Os policiais chegaram ao grupo no momento em que o chefe do esquema tentava pela terceira vez retirar um empréstimo na agência do Banco Bradesco de Arcoverde. Após João Bosco ter sido levado à delegacia da cidade, a polícia fez um levantamento e identificou pelo menos 20 processos abertos contra ele.

Além dos quatro suspeitos, os policiais apreenderam um pen-drive e vários documentos. Todos os envolvidos foram autuados em flagrante e encaminhados ao Presídio Advogado Brito Alves, em Arcoverde. A Polícia Civil da cidade vai investigar o caso.

 


Mais Lidas